sexta-feira, 28 de setembro de 2012

" AS COISAS " DE ARNALDO ANTUNES: LER O LIVRO E IR AO TEATRO ( RIO DE JANEIRO )

SUGESTÃO:  LER O LIVRO

                                     SITE DA EDITORA: www.iluminuras.com.br

INDICAÇÃO: de 11 a 13 anos

96 páginas

Arnaldo Antunes, neste livro, passeia pela prosa poética trazendo a palavra em
seu estado bruto, concreto, quase limite de tudo. 

PRÊMIOS:
- Prêmio Jabuti em 1993;
- Adotado no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD);
- Está entre os 100 melhores livros infantojuvenis, indicação
da REVISTA NOVA ESCOLA - 2012.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
SUGESTÃO: IR AO TEATRO


ESPETÁCULO: As Coisas

Criado a partir do livro homônimo de Arnaldo Antunes ( ex  TITÃS), o  espetáculo
mistura diversas linguagens como: teatro de animação, música e artes visuais. 
Os personagens comandam uma divertida banda de rock, uma boneca falante,
brincam de fazer cinema ao vivo e apresentam os poemas do livro,  musicados,
narrados e encenados. É um espetáculo multimídia.

DIREÇÃO:  Alexandre Boccanera

DIREÇÃO MUSICAL:  Guilherme Miranda

ELENCO: Flávia Reis, Júlia Schaeffer e Guilherme Miranda

LOCAL: Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB- RIO)  Teatro I
rua 1º de Março, 66 Centro
Rio de Janeiro  RJ 

TELEFONE: (21) 3808-2020

TEMPORADA: de 29 de setembro até 21 de outubro de 2012

DIAS: sábados e domingos

HORÁRIO: 17h

DURAÇÃO: 50 minutos

CLASSIFICAÇÃO: Não recomendado para menores de 14 anos

INGRESSOS: R$6,00 (inteira) / R$3,00 (meia entrada)

2 comentários:

Pequeno Príncipe disse...

Cristina, minha filha tem esse livro é muito bom!

"Todas as coisas do mundo não cabem numa ideia. Mas tudo cabe numa palavra, nesta palavra
tudo.(Arnaldo Antunes)

Pedrinho manda um abraço bem apertado!

Bjs
Pedro e Amara

Cristina Sá literaturainfantilejuvenil disse...

Amara,
Adorei a ideia da montagem
de um espetáculo tendo como
base o livro COISAS do Arnaldo
Antunes. Sim, o livro é muito
bom.
Lindo o texto. Linda a forma
como ele brinca com as palavras.

Pedrinho, sinta-se abraçado
Amara, beijo
Cristina