domingo, 22 de setembro de 2013

" AGORA " DE ALAIN SERRES E OLIVIER TALLEC

                                        SITE DA EDITORA: www.edicoessm.com.br


COLEÇÃO: BARCO A VAPOR ( série OS PIRATAS)

INDICAÇÃO: a partir de 3 anos (pré-leitor)

48 páginas



Este é um livro cheio de "agoras". Ele mostra a vida que acontece no momento
presente.

Do texto de Alain Serres, surgem  mini-histórias que contam a vida. Elas quando
alinhavadas e lidas em voz alta, soam  como um poema.

Os textos, que descrevem as cenas, que estão acontecendo "agora", são curtos,
bem simples e diretos.

                                      AGORA É DIA.
                                      PAPAI ME AJUDA
                                      A TOMAR BANHO.

                                      AGORA MEU IRMÃO MAIS VELHO
                                      ME ACOMPANHA ATÉ A ESCOLA.
                                                            
                                      AGORA EU PINTO UM BARCO QUE DÁ MEDO.

                                      AGORA TIA SÂMIA
                                      APRESENTA SEU NAMORADO.

                                      AGORA SURGE
                                      A PRIMEIRA FLOR
                                      DA PRIMAVERA.

É através do olhar infantil, que passagens  simples de todo dia e da imaginação
da criança são retratadas.

                                  

Este livro leva o pequeno leitor a descobrir que o presente é feito de muitos "agoras" 
e que é assim que a vida acontece.

Descubra os "agoras" da sua rotina.




AS ILUSTRAÇÕES:

As ilustrações de Olivier Tallec contribuem muito para para a leveza e a atmosfera
poética do livro.





O AUTOR /O ILUSTRADOR:



2 comentários:

Cristiane Marino disse...

Oi Cristina,

Adorei a dica, que bela idéia, e as ilustrações são lindas!
Acho que nós adultos é que precisamos aprender a viver no agora ...
Bjs e ótima semana

Cristina Sá disse...

Cristiane,
Este livro é lindo!

Os livros infantis
estão sempre me
surpreendendo.

Em "AGORA", tudo
é visto através do
olhar do menino.
É ele quem observa,
com olhar atento,
tudo o que acontece
"agora".

Nós deveríamos também
fazer o mesmo. Você
não acha?

beijo
Cristina